Compartilhe nas redes sociais

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

DENÚNCIA! Diretora de Escola Pública VENDE merenda aos alunos.

Olá colegas, recebi ontem uma denúncia muito grave de um servidor (o denunciante preferiu não se identificar por medo de represálias), da Secretaria da Educação: A Gestora Escolar da sua unidade estaria preparando lanches com o material e estrutura física da escola para vender para os alunos.



Veja o relato dessa corajosa servidora:


"Olá Ivando.

Primeiramente quero agradecer e te parabenizar pelo seu Blog. Saiba que ele é lido não somente pela sua categoria, mas também por vários setores dentro da prefeitura e sugiro que faça postagens mais amplas para outras categorias, até porque existe essa carência em todo o setor público.

Apesar de vivermos na Era da Informação, onde as notícias circulam com uma velocidade surpreendente, ainda nos deparamos com a desfaçatez de alguns elementos. Fala-se muito em Educação, que o problema da nossa sociedade é que não temos uma educação de qualidade. Que faltam escolas, que faltam professores, que faltam ... 
Mas, muitas vezes esquecemos de lembrar que falta, muitas vezes, ÉTICA e MORALIDADE por parte dos profissionais que trabalham na Educação. 

Vamos aos fatos:

A Escola Municipal Cosme de Farias, localizada na cidade de Salvador - BA. São produzidos bolos e doces feitos usando o fogão da escola, o gás e toda estrutura física dada pela Prefeitura, para serem vendidos aos alunos pela Direção, com a justificativa que o dinheiro arrecadado seria para "o conserto de equipamentos da escola." 
Nas escolas públicas, a prática de quaisquer comércio vai de encontro ao que diz tanto a Constituição Federal, de 1988, como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), de 1996, uma vez que ambos os documentos garantem a total gratuidade do ensino público. Devemos exigir que a melhoria das condições estruturais seja feita pelo poder público e não lesar os pais. Sem falar na discriminação que é praticada, já que nem todos os alunos tem condições financeiras de pagar. Presenciei muitos alunos chorando por não terem dinheiro para comprar e sendo vítimas de "gozações" por parte dos colegas. 

E agora? O que fazer?

ESTOU FAZENDO A MINHA PARTE: DENUNCIANDO E MOSTRANDO AS FOTOS PARA QUE AS AÇÕES SEJAM FEITAS." 

Vejam as fotos:


Azeite de Dendê dentro da cozinha da Escola

Tacho de Acarajé que foi frito no fogão da Escola



Cozinheira fazendo os lanches para vender

Quadro de logística do gás de cozinha

Cozinheira preparando bolo na Escola


Material da Escola

Brigadeiro para vender dentro da Escola

Prestem a atenção: Cozinheira com o Fardamento da Prefeitura.

Obrigado colega por confiar em mim para poder publicar essa denúncia gravíssima!

SE VOCÊ QUER DENUNCIAR QUALQUER SITUAÇÃO QUE OCORRA NO SEU P.A, COLÉGIO OU QUALQUER ÓRGÃO DA PREFEITURA, PODE ME ENVIAR UM E-MAIL COM O TÍTULO ESCRITO "DENÚNCIA" PARA O E MAIL: ivando_ace@hotmail.com

ESTOU ESPERANDO SEU CONTATO.

“Informação é poder, porém se tens tal domínio e não o divulgas, torna-te responsável pela ignorância alheia.”
Ivan Teorilang



Nossa Hashtag:
#AgentesdeSaúde

Curta nossa pagina no Facebook:

Ivando Agente de Saúde

Participe, debata e dê sua opinião do Nosso Grupo no Facebook:

Agentes de Saúde Salvador

Participe, debata e dê sua opinião do maior Grupo sobre Agentes de Saúde no Facebook:

Agentes de Saúde do Brasil

Me add no Facebook:

Ivando Agente de Saúde

Sigam-me no Twitter:

IvandoAg.Saúde

Comentem abaixo no Facebook diretamente do nosso Blog:


Compartilhe: