Compartilhe nas redes sociais

sábado, 12 de abril de 2014

ACE indgnada denuncia nas redes sociais o descaso da Administração com o nosso trabalho

Olá colegas, com certa indiginação e tristeza que venho escrever esse post.
Uma colega do Distrito Ferroviário, no limite do seu stress, resolveu denunciar nas redes sociais sua indiguinação com o desleixo e falta de compromisso da Prefeitura de Salvador com os Agentes de Endemias, em especial os Agentes que trabalham nas Ilhas.
Não é recente a reclamação com a falta de estrutura e compromisso para os que trabalham lá.
Saí para ajudar uma vez nas ilhas e não quis mais, quando sentí na pele a falta de competencia das pessoas que gerenciam os trabalhos nos referidos locais.

Segue abaixo o desabafo da nossa colega Alvanira, Agente de Combate às Endemias do Distrito Sanitário do Subúrbio Ferroviário, onde trabalha nas esquecidas ilhas:


"Venho por meio deste expor toda a minha indignação e a falta de respeito com os agentes de combate ás endemias das ilhas dos frades e bom Jesus dos passos, ccz.
Caros colegas acham que nós temos vida boa por trabalhar nas ilhas? Não temos condições de trabalho, não temos material de uso continuo, muitas das vezes o horário de um turno não funciona com agente, nós dependemos do horário da maré para se dirigir a certas localidade porque, quando a maré está cheia, não se tem passagem, temos que conseguir embarcação para algumas localidades, nós não temos um supervisor, fazemos trabalho de campo e interno. Muitas das vezes em época de fechamento nós não temos finais de semana, pois não damos conta de trabalhar no campo e fazer fechamento no P.A., ai temos que levar o trabalho para casa. Fora que toda a semana o trabalho é levado para o Distrito do Suburbio Ferroviário, atravessamos três outros municípios: Madre de Deus, Candeias e Simões Filho. Já ficamos sabendo que se algo nos acontecer nestes três municípios a prefeitura não nos dá cobertura. Nós não trabalhamos com depósitos pequenos. Por ser na ilha, a maioria dos depósitos tem 20, 50 e 100 mil litros. Precisamos de materiais para trabalhar para podermos dar um trabalho digno para a comunidade. Por favor, compartilhe." Alvanira Agente de Combate às Endemias.

Minha humilde opinião:

Colega, infelizmente essa é uma realidade que não atinge somente a vocês que trabalham na Ilha. Mas sim toda a categoria dos ACE, sem distinção de campanhas, onde falta material de trabalho, a Leptospirose, estão trabalhando sem o pó de contato, e a um tempo atrás, nem água para beber tinham e quando vinham eram quentes; falta vacina antirrábica nos postos; faltam fardamentos, mochilas de péssima qualidade, e por aí vai.

Agora me pergunto e me questiono:

Temos duas Associações e dois Sindicatos, e o que fazem?

No mínimo fica complicado quando uma dessas Associações tem a maioria dos seus diretores em cargo de "supervisão de boca", e outros sequer trabalham, ficam em um pseudo "conselho de ética".
Fica complicado jogar contra a gestão quando os atacantes fazem gols contra!!!

NÃO SE CALE, DENUNCIE!!!

AFINAL, QUEM CALA, CONSENTE!!!

"Aquele que poupa o lobo, sacrifica as ovelhas."
Victor Hugo



Nossa Hashtag:
#AgentesdeSaúde

Curta nossa pagina no Facebook:

Ivando Agente de Saúde

Participe, debata e dê sua opinião do Nosso Grupo no Facebook:

Agentes de Saúde Salvador

Participe, debata e dê sua opinião do maior Grupo sobre Agentes de Saúde no Facebook:

Agentes de Saúde do Brasil

Me add no Facebook:

Ivando Agente de Saúde

Sigam-me no Twitter:

IvandoAg.Saúde
Compartilhe: