Compartilhe nas redes sociais

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Gestão Municipal assume compromisso de repor descontos realizados nos salários dos ACS e ACE no período de greve

Nesta sexta-feira (4), a direção do SINDACS, o vereador Arnando Lessa (PT), e o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Cedro Silva,  participaram de uma reunião com o Secretário Municipal de Gestão, Alexandre Pauperio, na sede da Semge.
A pauta princpal do encontro foi a reposição das horas que foram descontadas no período em que a categoria de Agentes de Saúde e Endemias de Salvador esteve em greve. Pauperio aceitou a proposta dos represnetantes do Sindacs, que foi aprovada em assembleia no dia 2 de setembro. “A compensação da carga horária será feira através da elaboração da ficha e-SUS, aos sábados, com as pessoas das famílias que não são encontradas durante o horário de trabalho habitual. Trabalhar uma hora a mais  durante a semana, trabalhar no mutirão de vacinação, feiras de saúde e mobilização da dengue aos sábados“, explicou o coordenador do Sindacs, Robson Gois.

A gestão vai apresentar um cronograma para os ACS referente à reposição dessas horas do período de greve. Para os ACE a reposição será feita conforme determinação do Departamento de Vigilância a Saúde. Os líderes da entidade sindical cobraram celeridade no processo de devolução, já que pais e mães de diversas famílias estão sendo prejudicados/prejudicadas.

Para a devolução dos valores descontados dos ACS e ACE, que participaram da greve, a equipe da Semge vai realizar um levantamento dos valores descontados,  e  até o final da próxima semana o pagamento será efetuado em uma folha  suplementar.

Uma nova reunião será realizada na próxima semana entre os representantes do Sindacs e o Secretário Municipal de Gestão.
Fonte: Sindacs

"Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado!"
Rui Barbosa
Compartilhe: