Compartilhe nas redes sociais

domingo, 10 de julho de 2016

VIOLÊNCIA: Agente de Saúde de Salvador sofre de tentativa de estupro. Saiba como prevenir e minimizar os riscos de estupro.

Olá colegas! Após o caso colega Fátima estuprada e assassinada de maneira fria e estúpida, o mal assola mais perto: Uma Agente de Endemias de Salvador, não vou informar o Distrito e a localidade, para manter o sigilo da identidade, sofreu tentativa de estupro durante o trabalho. Ela conseguiu fugir. Leia abaixo a matéria completa e as dicas de como se prevenir:

Agora fica a pergunta: Porque essas notícias não são divulgadas pela Prefeitura de Salvador e o CCZ e as entidades que dizem que defende o trabalhador, até para servir de alerta para as outras colegas?

Fiquei sabendo sobre essa notícia há um tempo, mas fiquei muito pensativo se iria divulgar ou não e principalmente em como divulgar, devido o resguardo da identidade da colega. Mas tenho a responsabilidade com a categoria, e as mulheres que trabalham no campo, tem que saber para se prevenir.

As colegas que trabalham no campo, precisam saber disso, para não continuar pensando que as coisas não podem acontecer por aqui!

Por essa razão, pesquisei no site Papo Feminino, algumas dicas de como prevenir um estupro:

1) A primeira coisa que eles olham em uma vítima potencial é o penteado.É mais provável que eles ataquem uma mulher com rabo-de-cavalo, coque, trança ou qualquer outro penteado que seja possível puxar mais facilmente. É provável também que ataquem mulheres com cabelos longos. Mulheres com cabelos curtos não são alvos comuns;

2) A segunda coisa que eles olham é a roupa. Eles vão olhar para mulheres em que a roupa seja fácil de tirar rapidamente. Eles também procuram mulheres falando no celular ou fazendo outras coisas enquanto anda - isto sinaliza que estão desatentas e desarmadas e podem ser facilmente apanhadas.

3) A hora do dia em que eles mais atacam e estupram mulheres é no começo da manhã, entre as 5:00h e 8:30 horas;

4) O lugar campeão para apanhar mulheres é o lugar onde ficam os estacionamentos de escritórios. Em segundo lugar, estão os banheiros públicos;

5) Somente 2% dos estupradores porta armas. Isto porque a pena para um estupro é de 3 a 5 anos de prisão - mas para estupro armado, é de 15 a 20 anos;

7) Disseram que não pegam mulheres que carregam guarda-chuvas ou objetos que possam ser usados como arma a uma certa distância (chaves não os intimidam, porque para ser usadas como arma, a vítima tem que deixá-los chegar muito perto);

Se alguém estiver seguindo você em uma rua ou em uma garagem ou se estiver com alguém suspeito em um elevador ou numa escadaria, olhe-o no rosto e pergunte alguma coisa, tipo “Que horas são?” Se ele for um estuprador, terá medo de ser posteriormente identificado e perderá o interesse em tê-la como vítima. A ideia é convencê-lo de que não vale a pena chegar em você;

9) Se alguém pular à sua frente, grite! A maioria dos estupradores disse que largaria uma mulher que gritasse ou que não tivesse medo de brigar com ele. Novamente: eles procuram por ALVOS FÁCEIS. Se você empunhar um spray de pimenta e gritar, poderá mantê-lo à distância e é provável que ele fuja;

10) Esteja sempre atenta ao que se passa à sua volta. Caso perceba algum comportamento estranho, não o ignore. Siga seus instintos. Você pode até descobrir que se enganou, ficar meio desnorteada no momento, mas pode ter certeza de que ficaria muito pior se o rapaz realmente atacasse;

11) Em qualquer situação de perigo, caso queira gritar, grite sempre ”FOGO! FOGO!” e muito mais pessoas acudirão (curiosos). Caso seu grito seja ”socorro!” a maioria das pessoas se omite, por medo;

Essas dicas são minhas, para as mulheres que atuam no campo:

12) Tentem sempre trabalhar em dupla;

13) Se você sentir o mínimo de desconfiança, ou um mal pressentimento, ao entrar na casa do morador, NÃO ENTRE! Lance o imóvel como Fechado (F), e peça posteriormente para o seu supervisor ou um colega te acompanhar para recuperar

14) Se houver qualquer tentativa de estupro, DENUNCIE! Essa ainda é a maior arma. Se dirija imediatamente a uma delegacia mais próxima e registre a ocorrência. 

15) Leve sua picareta sempre contigo! Mantenha a ponta bem afiada e protegida com papelão ou tampa de pet. e em local de fácil empunhadura dentro da mochila, ou se desconfiar de algo, entre com ela na mão, fingindo que vai eliminar algum recipiente. Na hora do desespero, esta poderá ser a sua única ferramenta de defesa.

16) A maioria dos estupradores são do sexo masculino; é a realidade. No entanto, isto não quer dizer que mulheres não podem ser estupradoras também. Isto é muito importante. As mulheres podem estuprar e fazem isso com os homens. Se você foi uma vítima, não deve sentir que tem que ficar em silêncio, porque acha que o que aconteceu com você não era realmente estupro.

17) A maioria dos estupradores são, na verdade, brancos, embora tenhamos a tendência de ter mais medo de minorias (especialmente os negros). Apesar de mais prisões e condenações estarem ligados a pessoas negras, isso está ligado a uma taxa de apreensão irregular. Quando as vítimas são sondadas, a maioria dos estupradores é descrita como sendo brancos.

Lembrando que um estupro ou tentativa NUNCA É SUA CULPA! Não importa como se veste, como age, se teve relações sexuais anteriores, quem é o estuprador, o que você disse para ele, o quanto você bebeu, onde você estava, ou qualquer outra coisa: você ser estuprada nunca é sua culpa. É culpa do estuprador. 

Eles fizeram essa decisão. Mesmo se você não seguir “nenhum” dos conselhos abaixo, o seu estupro não é culpa sua e você não é obrigada a tomar quaisquer medidas. ”Nunca se culpe”.


E DENUNCIE, ESSA É A MAIOR ARMA.

QUE DEUS PROTEJA OS ACS E ACE, POIS ESTES VÃO PARA O CAMPO DESPROTEGIDOS E A GESTÃO NÃO OS VALORIZA!
Compartilhe: