Compartilhe nas redes sociais

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Por favor colegas, participem da pesquisa que irá incentivar a população a utilizar tecnologias para o apoio e monitoramento do Aedes aegypti.

Por favor colegas, participem da pesquisa que irá incentivar a população a utilizar tecnologias para apoio e monitoramento do mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

O Projeto Mosquito Zero, de autoria de Alex Sandro Correia, ex-agente de endemias, foi o vencedor na categoria pós graduando do
Concurso Ideias Inovadoras da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), e tem como objetivo o uso de tecnologias com participação da população na identificação de focos e notificação de casos suspeitos de dengue, chikungunya e zika vírus.

Alex, recebendo o Prêmio nas mãos do prefeito Acm Neto.
Agora Alex, solicita a nossa ajuda pois ele precisa de no mínimo 700 respostas para que sua pesquisa seja validada. Vamos ajudar o colega, porque uma vez agente de saúde, sempre agente de saúde.

QUALQUER PESSOA PODE REALIZAR A PESQUISA! 

A pesquisa tem como o objetivo de implantar ferramentas tecnológicas de rápido e fácil acesso, onde a população através de aplicativo poderá denunciar focos e notificar casos suspeitos de dengue, chikungunya e zika vírus aos órgãos competentes. 

Todos podem contribuir com a pesquisa que dura menos que 2 minutos.

Por favor, vamos ajudar a quem nos ajuda a melhorar nosso trabalho através da informação e tecnologia. Faça a pesquisa abaixo:

Compartilhe: