Compartilhe nas redes sociais

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

LUTO: Agente de Saúde é assassinado na porta de casa ao fugir de assalto em Fortaleza

Jubiabá Lavor do Nascimento, 39 anos Agente de Combate às Endemias, morreu com um tiro na cabeça, quando saía para trabalhar na manhã desta segunda-feira (4), no Bairro Jardim América, em Fortaleza Os suspeitos de terem praticado o crime são três adolescentes, dois de 16 anos e um de 17, que foram encaminhados para a Delegacia da Criança e do Adolescente. .
A vítima morava com a mãe e se dirigia para o trabalho, no Centro de Controle de Zoonoses da prefeitura. Após se despedir da mãe, por volta de 7 horas, Jubiabá ia para a parada de ônibus quando foi abordado pelos adolescentes, que chegaram em um carro roubado, segundo a polícia.

Conforme o comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar e atual responsável pelo Comando de Policiamento da Capital (CPC), coronel Willamar Galvão, o homem reagiu e correu, mas foi atingido na cabeça e morreu no local.

Ainda segundo o comandante, o carro usado na ação foi roubado mais cedo nesta segunda-feira, no Bairro Jóquei Clube. "Eles estavam fazendo vários roubos, desde 5 horas da manhã", acrescentou Willamar.

Os "menores" acusados de assassinar à sangue frio o Agente de Saúde
Em depoimento na delegacia especializada, os jovens disseram que atiraram porque a vítima correu. Além do carro roubado, foram apreendidos revólver calibre 38, com uma cápsula deflagrada, sete celulares, três pen drives, seis bolsas e 275 reais.

Nas primeiras informações após o crime, a suspeita era de que Jubiabá foi vítima de latrocínio. Com o corpo, porém, a polícia encontrou mochila, relógio e celular da vítima.

A apreensão dos suspeitos foi executada por um destacamento de motos do Raio, que foi acionado depois que o carro foi roubado. O proprietário do veículo já recuperou o automóvel.

Segundo a inspetora da DCA, Celia Silva, os adolescentes foram apreendidos com o carro roubado e outros pertences, como celulares, roupas e documentos, “como se já estivessem fazendo assaltos em série”, afirmou a inspetora. Os suspeitos vão passar por exame de corpo de delito e serão encaminhados para a unidade de recepção da DCA.
Fonte: G1

Para os familiares, colegas e amigos, fica o meu pesar. Infelizmente 2016 começou triste para os ACS e ACE. Que Deus o guarde em um bom lugar e que nos proteja contra todo o mal nos espreita...
Compartilhe: